sexta-feira, 8 de maio de 2015

Gansos são usados para evitar fuga em presídio no Piauí

Gansos reforçam a segurança da Penitenciária Regional Luiz Gonzaga Rebelo, na cidade de Esperantina, norte do Piauí. Com o efetivo de Policiais Militares e de agentes penitenciários insuficiente, a direção da penitenciária resolveu contar com a ajuda das aves e colocou os animais na área externa, entre o prédio e o muro de contenção, para impedir fugas de presos. Os animais foram treinados para conviver com uma pessoa, que coloca água e comida, e ao ver estranhos, as aves emitem sinais de alerta e ainda atacam quem tentar chegar perto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário