domingo, 28 de junho de 2015

Deputado Cabo Daciolo pede a exoneração de comandantes dos bombeiros e da Polícia Militar.

REPRODUÇÃO BERENICE SEARA
Carreira meteórica
O deputado federal Cabo Daciolo (sem partido desde que foi expulso do PSOL) tem conversado com líderes políticos de várias matizes.
Mas, o moço — que teve uma votação surpreendente no ano passado —~ faz exigências.
Quer a garantia de que terá a legenda para disputar uma vaga no Senado em 2018
E para brigar pela Presidência da República em 2022.
Daciolo diz que Deus já avisou que seu caminho passará, inexoravelmente, pelo Senado e pelo Palácio do Planalto.
Urtícária 
Quem ouve Daciolo falar, como o vice-governador Francisco Dornelles — o maior nome do PP no Estado do Rio —'fica assustado com o tom messiânico do moço. .
Extra
Contam as péssimas línguas que, à Dornelles, Daciolo ainda fez uma exigência a mais.
Que o vice convença o governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) a exonerar uns 300 comandantes dos bombeiros e da Polícia Militar.



Um comentário: