quinta-feira, 2 de julho de 2015

Batalhões que reduziram índices criminais


Seis batalhões do Rio atingiram metas de queda dos indicadores de criminalidade no Estado no primeiro semestre deste ano. Todos os PMs e os policiais civis lotados nas distritais dessas regiões recebem a gratificação de R$ 13.500. O valor líquido, após desconto de imposto de renda, chega a R$ 9.800. A quantia deve ser depositada em conta corrente entre 45 a 70 dias.

Os batalhões premiados são o 7º BPM (São Gonçalo), o 15º BPM (Duque de Caxias), o 19º BPM(Copacabana), 28º BPM (Barra Mansa), 35º BPM (Itaboraí) e 36º BPM (Santo Antônio de Pádua). 
“Foram 56 casos a menos de letalidade violenta e 1.190 casos de roubo de rua a menos. O roubo de veículos diminuiu em quase 650 ocorrências. Números astronômicos. No aniversário do batalhão em agosto do ano passado já havíamos batido recordes em prisões e apreensões”, lembrou o comandante Fernando Salema, do 7º BPM.

23 comentários:

  1. Policiais Militares do Rio de Janeiro morrem por um vencimento inferior ao Salário Mínimo Necessário!

    Todo mundo quer maior qualidade na segurança pública, mas para melhorar a qualidade será imprescindível melhorar a questão salarial, ou seja, valorizar o Policial Militar com uma remuneração digna.

    O Salário Mínimo Necessário foi calculado pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE) em R$ 3.377,62 (três mil, trezentos e setenta e sete reais e sessenta e dois centavos) no mês de Maio de 2015, de acordo com o inciso IV do artigo 7º da Constituição Federal de 1988 ("salário mínimo, fixado em lei, nacionalmente unificado, capaz de atender a suas necessidades vitais básicas e às de sua família com moradia, alimentação, educação, saúde, lazer, vestuário, higiene, transporte e previdência social, com reajustes periódicos que lhe preservem o poder aquisitivo").

    http://www.dieese.org.br/analisecestabasica/salarioMinimo.html

    O adicional de periculosidade para profissionais de segurança pública foi aprovado!

    A Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 193/15, que garante aos integrantes do sistema de segurança pública de todo o País o adicional de periculosidade. Pelo texto, cada estado vai estabelecer o valor do adicional, desde que observado um percentual mínimo de 30% sobre a remuneração total. Acrescido dos 30% de Adicional de Periculosidade (R$ 1.013,28), o valor do Piso Salarial da categoria deveria ser fixado em R$ 4.390,90 (quatro mil, trezentos e noventa reais e noventa centavos). O menor vencimento deve ser igual ou superior ao referido valor.


    "QUEM VIVE PARA PROTEGER, MERECE RESPEITO PARA VIVER." NÃO HÁ JUSTIFICATIVA PARA OS BAIXOS SALÁRIOS DOS SERVIDORES MILITARES NO RIO DE JANEIRO! POLICIAL MILITAR DESMOTIVADO SIGNIFICA SEGURANÇA PÚBLICA AMEAÇADA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. VOU PEGAR A PUBLICAÇÃO DO DIÁRIO OFICIAL E METER A PICA...METER NA JUSTIÇA.......

      Excluir
  2. E até hj nada... nem uma posição...

    ResponderExcluir
  3. E até hj nada... nem uma posição...

    ResponderExcluir
  4. E até hj nada... nem uma posição...

    ResponderExcluir
  5. Kd nosso dinheiro ? Até agora nada de pagamento , isso o jornal não fala.

    ResponderExcluir
  6. Até hj o prêmio não saiu!!!!!

    ResponderExcluir
  7. novo boato agora é que vai ser pago entre o dia 15 e 20, vamos aguardar.

    ResponderExcluir
  8. Cade o prêmio dizem que nem vai sair

    ResponderExcluir
  9. hoje é dia 20! E cadê?

    ResponderExcluir
  10. É, e hj é 23 e nada

    ResponderExcluir
  11. Pessoal, publiquem uma reportagem sobre isso pra alguém tomar uma atitude. Esse dinheiro está fazendo falta pra qm vai receber..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muita falta, pelo menos pra mim q preciso

      Excluir
  12. peça os políticos para cobrarem

    ResponderExcluir
  13. Dia 1° de Novembro e nada. Cobrar nosso empenho é fácil, dificil é pagar o que nos deve.

    ResponderExcluir
  14. Dia 1° de novembro e nada. Cobrar nosso empenho é fácil, dificil é pagar o que nos deve.

    ResponderExcluir
  15. Senhores da redação , peço atenção pois o Governo do Estado do Rio de Janeiro , mais uma vez está brincando com a Polícia Militar, não lhe pagando e não dando a menor informação de quando irá pagar , PMERJ conta com a ajuda de vocês.

    ResponderExcluir
  16. A premiação foi publicada hoje no diário oficial do estado! Falta a tal cerimônia para o valor ser liberado!

    ResponderExcluir
  17. E até agora nada!
    Nenhuma data foi divulgada da tal cerimônia.
    Alguém sabe de algo?

    ResponderExcluir
  18. chupa neném!!!kkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir