sexta-feira, 10 de julho de 2015

O Estado do Rio vai contratar 11 mil novos policiais militares até 2018.


Esta é a meta do governador Luiz Fernando Pezão, anunciada ontem em entrevista à Rádio BandNews FM. Segundo ele, a corporação está prestes a enfrentar um processo "nunca vivido antes", quando em dois anos quatro mil policiais vão se aposentar. De acordo com o governador, a PM não medirá esforços para melhorara capacitação dos soldados, com a reformulação do curso de formação. "Estamos vivenciando um segundo semestre de 2014 e o ano de 2015 com o início de 2016 como os períodos que serão dadas muita baixas de policiais. Estão saindo quase dois mil policiais militares, ao todo vão deixar os quadros quatro mil e estamos colocando mais seis mil", detalhou Pezão em entrevista à radio antes de seguir para o seminário "Rio Metropolitano — Desafios Compartilhados — O papel do setor privado. "Vou precisar avançar nos concursos, avançar mais como no último porque temos que repor policiais. Eram 37 mil PMs e hoje são 49 mil e no final de 2018 a minha meta é encerrar o mandato com 60 mil. Preciso colocar mais 11 mil PMs o que vai permitir enviar pessoal para as UPPs, repor batalhões e alocarem UPPs" declarou o governador. Segundo ele, o estado já acertou 70% do déficit no primeiro semestre deste ano. 1640

Nenhum comentário:

Postar um comentário