quarta-feira, 6 de julho de 2016

Vídeo mostra entrega de lanches dentro de presídio no Rio


Presos no presídio de Bangu 5, destinado a condenados de alta periculosidade, contavam com um serviço delivery de lanches. Um vídeo obtido com exclusividade pela GloboNews flagrou a regalia.
O caso aconteceu no dia 16 de abril, às 14h40. Nas imagens é possível ver um homem segurando dois sacos e vários copos. Ele coloca os pacotes em cima de um banco e entra na portaria da unidade. Cerca de 20 segundos depois, ele sai acompanhado de um agente penitenciário de plantão. Em seguida, o entregador é liberado, pega os sacos com sanduiches e copos e entra no presídio.

Segundo sindicância aberta pela Corregedoria da Secretaria de Administração Penitenciária, o homem que chega com a encomenda é Leonardo José de Santana, agente de Bangu 9, outro presídio do Complexo Penitenciário de Gericinó. Ele teria dito ao colega de plantão que a comida era para funcionários da cantina que estavam sem almoçar. Porém, logo depois da gravação, dez lanches foram encontrados com detentos.
Um dos presos disse em depoimento que Leonardo cobrou R$ 280 pelo serviço de delivery.

A Corregedoria da Seap tem até o dia 23 de julho para concluir a investigação. Caso seja comprovado que houve facilidades para a entrada dos sanduíches que foram apreendidos antes do interno levar para a galeria, eles serão punidos.

Essa entrega de lanche para presos foi citada num relatório que chegou ao governador em exercício Francisco Dornelles. No documento, um juiz da Vara de Execuções Penais do Rio chama a administração de presídios do Rio de permissiva e malfeita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário